2021

BOLETIM INFORMATIVO

Observações importantes ao comparecimento ao templo durante a ainda presente pandemia de COVID21:

  • Ao entrar no templo higienize suas mãos com álcool 70%;
  • É obrigatório o uso de máscara de proteção durante todo o culto;
  • Não desloque as cadeiras dos lugares pré-estabelecidos;
  • Não abrace ou cumprimente o seu irmão com contato físico;
  • Não transite ou utilize os banheiros a não ser que seja realmente necessário;
  • Janelas e portas deverão ser mantidas abertas durante toda a celebração;
  • Não será excedido o limite máximo de ocupação de irmãos previamente estabelecido;
  • Aconselhamos aos maiores de 60 anos, menores de 12 anos e portadores de doenças crônicas a permanecerem em casa e priorizar o culto online;
  • Não haverá cantina;
  • Não haverá boletim de papel, somente na versão digital;
  • Ofertas serão entregues na saída do culto.

line

Alimento 1×3

Uma pequena visão das obras da carne, com seus laços e perigos

No ambiente corporativo divergência não pode ser compreendida como  inimizade. — Adriana Chiari Magazine

Gl. 5.19-21 Porque as obras da carne são manifestas, as quais são: prostituição, impureza, lascívia, idolatria, feitiçarias, inimizades, porfias, emulações, iras, pelejas, dissensões, heresias, invejas, homicídios, bebedices, glutonarias e coisas semelhantes a estas, acerca das quais vos declaro, como já antes vos disse, que os que cometem tais coisas não herdarão o Reino de Deus.

Atenção: Nenhum trecho da bíblia deixa tão claro para todos nós o que é certo e o que é errado, para que ninguém possa dizer que não foi esclarecido.

(1) “Prostituição”: imoralidade sexual de todas as formas. Isto inclui, também, gostar de quadros, filmes ou publicações pornográficas (Mt 5.32; 19.9; At 15.20,29). Os termos moichéia e pornéia são traduzidos por um só em português: prostituição.

(2) “Impureza”: pecados sexuais, atos pecaminosos e vícios, inclusive maus pensamentos e desejos do coração (Ef 5.3; Cl 3.5).

(3) “Lascívia”: sensualidade. É a pessoa seguir suas próprias paixões e maus desejos a ponto de perder a vergonha e a decência (2Co 12.21).

(4) “Idolatria”: a adoração de espíritos, pessoas ou ídolos, e a confiança numa pessoa, instituição (partido políticos ou pessoas) ou objeto, como se tivesse autoridade igual ou maior que Deus e sua Palavra (Cl 3.5).

(5) “Feitiçarias”: espiritismo, magia negra, adoração de demônios e o uso de drogas e outros materiais, na prática da feitiçaria (Êx 7.11,22; 8.18; Ap 9.21; 18.23).

(6) “Inimizades”: intenções e ações fortemente hostis; antipatia e inimizade extremas.

(7) “Porfias”: brigas, oposição, luta por superioridade (Rm 1.29; 1Co 1.11; 3.3).

(8) “Emulações”: ressentimento, inveja amarga do sucesso dos outros, pessoas que não se curvam, mesmo diante da verdade. (Rm 13.13; 1Co 3.3).

(9) “Iras”: ira ou fúria explosiva que irrompe através de palavras e ações violentas, pois quando somos de Deus, não podemos ser guiados por impulsos, mas pelo Espírito Santo. (Cl 3.8).

(10) “Pelejas”: ambição egoísta e a cobiça do poder; pessoas possuídas por um espírito de contenda, pois sentem prazer em discussões.

Devemos nos lembrar das bem-aventuranças: “bem-aventurados os pacificadores, pois serão chamados de filhos de Deus”. (2Co 12.20; Fp 1.16,17).

(11) “Dissensões”: introdução de ensinos cismáticos na congregação, sem qualquer respaldo na Palavra de Deus (Rm 16.17).

(12) “Heresias”: grupos divididos dentro da congregação, formando conluios egoístas que destroem a unidade da igreja; são promotores de discórdias sem fundamentos bíblicos, pois não percebem que carregam um espírito de acusação e não buscam a justiça, mas se alegram em ver erros, não se importando em ter certeza e de buscar a verdade (1Co 11.19).

(13) “Invejas”: antipatia ressentida contra outra pessoa que possui algo que não temos e queremos. Existe um perigo para o qual devemos estar atentos, que é de renunciarmos ao direito de sermos feridos, pois os limpos de coração não enxergam a maldade e nem a agressividade dos que estão enfermos, mas estão dispostos a compreender e promover cura aos que nos ferem, por estarem doentes.

(14) “Homicídios”: matar o próximo por perversidade. A tradução do termo phonos na Bíblia de Almeida está embutida na tradução de methe, a seguir, por tratar-se de práticas conexas, pois não se trata de matar alguém só com o uso de uma arma, mas também através de palavras.

(15) “Bebedices”: descontrole das faculdades físicas e mentais por meio de bebida embriagante.

(16) “Glutonarias”: diversões, festas com comida e bebida de modo extravagante e desenfreado, envolvendo drogas, sexo e coisas semelhantes.

As palavras finais de Paulo sobre as obras da carne são severas e enérgicas: quem se diz crente em Jesus e participa dessas atividades iníquas, exclui-se do reino de Deus e não terá salvação (5.21;1Co 6.9).

Perguntas:

  1. Você consegue, depois deste ensinamento, perceber o que te aprisiona?
  2. Você gostaria de viver livre de toda e qualquer obra da carne?
  3. Você consegue dar ao Espírito Santo direito de agir em sua vida e promover total libertação?
line

Bíblia diária

2ª feira – Marcos 07, 08, 09

3ª feira – Marcos 10, 11, 12

4ª feira – Marcos 13, 14, 15, 16

5ª feira – Lucas 01, 02, 03

6ª feira – Lucas 04, 05, 06

Sábado – Lucas 07, 08, 09

Domingo – Lucas 10, 11, 12

Período atual: Quadragésima terceira semana

line

Há 20 anos, acontecia o ataque de 11 de setembro

O Talibã anunciará o novo governo no Afeganistão nesta data

O Talibã anunciou que a nomeação dos novos governantes acontecerá no aniversário de 20 anos do atentado terrorista às Torres GêmeasO Talibã anunciou que a nomeação dos novos governantes acontecerá no aniversário de 20 anos do atentado terrorista às Torres Gêmeas

Hoje, 11 setembro de 2021, fazem 20 anos dos ataques terroristas que aconteceram contra os Estados Unidos em 2001. No ataque, 19 terroristas sequestraram aviões e colidiram dois deles intencionalmente contra as Torres Gêmeas do complexo empresarial do World Trade Center, na cidade de Nova York. Os atentados foram coordenados pelo grupo extremista Al-Qaeda

 
O aniversário do maior ataque terrorista sofrido pelos Estados Unidos é marcado pela primeira vez sem tropas americanas no Afeganistão. O atentado do 11 de setembro de 2001 levou o governo americano a invadir o Afeganistão para derrotar o regime fundamentalista islâmico que dava guarida à Al-Qaeda e seu líder, Osama bin Laden. Após os atentados, ele se refugiou no Afeganistão, onde ajudou a preparar combatentes árabes para resistir aos soviéticos.   

Afeganistão governado pelo Talibã 

Menos de um mês após a retomada completa do Afeganistão, o Talibã anunciou os funcionários recém-nomeados de seu gabinete interino. De acordo com uma fonte talibã, esse novo governo será inaugurado em 11 de setembro de 2021 – o aniversário de 20 anos dos ataques de 11 de setembro. Mas isso não foi confirmado por outras fontes. Representantes da Rússia, China, Catar, Turquia, Paquistão e Irã estarão presentes para a cerimônia de posse do novo governo. 

 O governo interino será liderado pelo novo primeiro-ministro Mullah Hasan Akhund, que anteriormente serviu como governador da província de Kandahar. Akhund foi descrito como um “estudioso conservador e religioso cujas crenças incluem restrições às mulheres e a negação dos direitos civis para minorias étnicas e religiosas”. 

 Outro ponto preocupante é que Sirajuddin Haqqani foi nomeado como novo ministro interino do Interior. Haggani é um extremista conhecido por fazer parte da lista dos homens mais procurados pelo FBI. A recompensa pela cabeça do extremista é de cinco milhões de dólares. O porta-voz do Talibã, Zabihullah Mujahid, não mencionou quanto tempo esse novo gabinete servirá ao país. 

Continue orando pelos cristãos no Afeganistão 

Os seguidores de Jesus no país estão em situação de vulnerabilidade e temem pelo futuro das famílias, por isso, precisamos estar com eles em oração. Um cristão local no Afeganistão compartilhou o clamor sobre a situação que tem vivido. 

 Querido Senhor, 

Quando estamos cercados pelos sons e cheiros da morte, achamos difícil ver o futuro. Achamos difícil entender por que esses homens de má intenção estão no poder. A Bíblia diz que o governo está sobre seus ombros. Mas este governo é mau. Senhor, mude a intenção maligna dele. Só o Senhor pode transformar o mal em bem. Senhor, que um ataque como o de 11 de setembro nunca mais aconteça. Mas que os corações dos cristãos clamem por milagres e esperança nesta amada e bela terra. Ajude-nos, Senhor, a amar, a confiar e a esperar quando parece impossível. Amém. 

Fonte: Portas Abertas

line

A Plantinha que Secou

Porque morrem as suas plantas e como evitá-lo? - Revista Jardins

Certa senhora ganhou uma plantinha. Era bem pequena ainda e estava em um vaso bonito e apropriado para ela.

A senhora gostou tanto da plantinha que, além de regá-la todos os dias, conversava com ela e limpava suas folhas. Assim, ela foi crescendo bonita, saudável e viçosa.

Um dia, essa senhora foi convidada a participar de uma reunião com um grupo de mulheres. Gostou tanto que começou a se envolver cada vez mais com as atividades que esse grupo fazia.

A plantinha, a partir desse momento, começou a ser deixada de lado, pois não sobrava tempo para ela. Todos os dias a senhora passava pela plantinha e dizia: “amanhã eu te darei água e limparei suas folhas. Hoje estou muito ocupada com o grupo”.

O tempo passou e a plantinha cresceu sem cuidados. De repente, enquanto limpava alguns cantos de sua casa, a senhora encontrou a plantinha. Estava alta, torta, suas folhas estavam cheias de pó, a terra estava seca, o vaso estava apertado para suas raízes e não era mais viçosa como antes.

Aquela senhora percebeu, então, que havia cometido um grande erro. Abandonara os cuidados com um presente que tanto gostara quando ganhou, trocando-a por atividades que não lhe deram o retorno que esperava.

Mas agora era tarde para alguma coisa. Ela havia perdido a chance de ajudar a plantinha a crescer direito. O vaso, por não ter sido trocado, havia entortado as raízes e ela estava sufocada.

Assim fazemos muitas vezes com amigos que encontramos. Gostamos da amizade, mas de repente, começamos a trocá-la por um grupo, por um brinquedo, por atividades diversas e muitas outras coisas.

Abandonamos verdadeiros amigos simplesmente porque não telefonamos de vez em quando, não saímos juntos para passear, esquecemos do seu aniversário, somente contamos com a amizade na hora da tristeza e na alegria não a procuramos, não perdoamos bobagens, etc.

Em todas as vezes que isso acontece, mais tarde acabamos percebendo a boa amizade que não desenvolvemos. E, às vezes, é meio tarde para voltar, pois os caminhos se distanciaram muito.

Valorize seus bons amigos. Fique sempre do lado deles. Cultive alimentando as amizades com honestidade, carinho, respeito, consideração. Cresça junto com esse amigo. Conserve-o perto de você.

Os bons amigos duram a vida inteira e você sempre terá alguém para contar, em qualquer momento, que te conheça e te aceite do jeito que é. Que te ame e te ajude.

“O amigo ama em todo o tempo. E na angústia nasce um irmão”. Provérbios 17:17

BOLETIM INFORMATIVO

Observações importantes ao comparecimento ao templo durante a ainda presente pandemia de COVID21:

  • Ao entrar no templo higienize suas mãos com álcool 70%;
  • É obrigatório o uso de máscara de proteção durante todo o culto;
  • Não desloque as cadeiras dos lugares pré-estabelecidos;
  • Não abrace ou cumprimente o seu irmão com contato físico;
  • Não transite ou utilize os banheiros a não ser que seja realmente necessário;
  • Janelas e portas deverão ser mantidas abertas durante toda a celebração;
  • Não será excedido o limite máximo de ocupação de irmãos previamente estabelecido;
  • Aconselhamos aos maiores de 60 anos, menores de 12 anos e portadores de doenças crônicas a permanecerem em casa e priorizar o culto online;
  • Não haverá cantina;
  • Não haverá boletim de papel, somente na versão digital;
  • Ofertas serão entregues na saída do culto.

line

Alimento 1×3

Frutos do Espírito: Fidelidade, Mansidão e Domínio Próprio

2 Coríntios 5:7: Porque vivemos por fé, e não pelo que vemos.

Filipenses 4:5: Que todos vejam que vocês são amáveis em tudo que fazem. Lembrem-se de que o Senhor virá em breve.

1Tessalonicenses 4:3‭-‬4: A vontade de Deus é que vocês vivam em santidade; por isso, mantenham-se afastados de todo pecado sexual.

Cada um deve aprender a controlar o próprio corpo e assim viver em santidade e honra.
Aqui está o paradoxo da vida Cristã: Nós precisamos renunciar ao controle de nós mesmos para adquirirmos domínio próprio.

Fidelidade é ser confiável no relacionamento para com Deus e para com os outros. É escolher ser leal à nossa palavra e cumprirmos as nossas promessas. A fidelidade tem uma constância – devoção, lealdade e firmeza em todas as suas interações. O fiel deve ser confiável num mundo que não é. Pessoas fiéis não são desleais, tampouco superficiais com seus compromissos.
Decidir por uma vida de fidelidade é um dos maiores desafio da vida cristã, pois envolve o senhorio de Jesus, a submissão ao Espírito Santo e fidelidade às pessoas com que nos relacionamos no nosso dia a dia, pois muitas vezes vendemos uma imagem de que não somos confiáveis, e isso resultará em sérios prejuízos para os nossos relacionamentos.

Mansidão é permitir que Deus lide com as outras pessoas de modo que não precisemos resolver os problemas com nossas próprias mãos. Já foi dito que a mansidão é a graça da alma, e isso inclui ser calmo, sereno e tranquilo. Ser gentil não significa ser fraco, ao contrário, dá mais trabalho ser manso quando a carne pede o oposto. Pessoas mansas não são rudes nem duras.

Domínio próprio é ser capaz de inspecionar-se. É não permitir que as circunstâncias nos façam perder o controle. Domínio próprio demonstra moderação, autocontrole e disciplina. É escolher, debaixo de muita pressão, correr atrás do que é importante, ao invés do que é urgente. Pessoas com domínio próprio apresentam moderação e não são impulsivas.

Perguntas:

  1. Essas descrições de fidelidade, mansidão e domínio próprio te encorajam ou te desafiam?
  2. Você é uma pessoa confiável?
  3. Você é capaz de se calar, quando sua carne deseja gritar e esbravejar?
line

Bíblia diária

2ª feira – Mateus 16, 17, 18

3ª feira – Mateus 19, 20, 21

4ª feira – Mateus 22, 23, 24

5ª feira – Mateus 25, 26

6ª feira – Mateus 27, 28

Sábado – Marcos 01, 02, 03

Domingo – Marcos 04, 05, 06

Período atual: Quadragésima segunda semana

line

Feliz aniversário

07/set – Gustavo Paixão

09/set – Edilaine Antunes

13/set – Gê Martins

14/set – Marinete Cruz

16/set – José Rodrigues

22/set – Eric Carvalho

26/set – Girlane Canellas

26/set – Pedro Paulo da Silva

line

Os cristãos no Vietnã precisam de nossas orações

Hoje o país completa 76 anos de independência e a perseguição aos cristãos é extrema

Nos últimos meses, houve vários incidentes de perseguição aos cristãos no VietnãNos últimos meses, houve vários incidentes de perseguição aos cristãos no Vietnã

Hoje, 2 de setembro, é comemorada a independência do Vietnã. Nessa data, em 1945, horas após a rendição do Japão na Segunda Guerra Mundial, o líder comunista Ho Chi Minh declarou a independência do Vietnã da França. O país ocupa o 19º lugar na Lista Mundial da Perseguição 2021 e os seguidores de Cristo vietnamitas lidam com pressão por não abrirem mão do evangelho.  

O nível de perseguição que um cristão enfrenta depende da denominação ou da origem. A perseguição mais intensa é reservada para protestantes não tradicionais e convertidos de religiões nativas, especialmente nas áreas do centro e norte do país. A maioria pertence às minorias étnicas, como os hmong, e enfrenta exclusão social, discriminação e ataques. Às vezes, casas são destruídas, forçando os cristãos a deixarem as aldeias.  

Histórico de perseguição 

Nos últimos meses, a Portas Abertas noticiou sobre a intensa perseguição que os cristãos do país têm enfrentado. Poh* é um cristão hmong que foi atacado pelo pai por proclamar a fé. Ele e a família foram forçados a deixar a vila. Graças às orações e ao apoio, parceiros locais da Portas Abertas compraram um terreno onde Poh construiu uma nova casa para a família. “Eu agradeço a Deus por sua graça e bênçãos. Minha família e eu experimentamos uma vida mais estável agora que vivemos em uma comunidade cristã e com nossa casa perto da igreja.” 

No começo do mês de agosto, seis famílias foram excluídas de uma ajuda do governo do Vietnã por serem cristãs. De acordo com os líderes locais, as autoridades disseram: “Vocês são cristãos! Não temos responsabilidade sobre vocês. Vão, peçam ajuda para a igreja. Se vocês quiserem receber apoio, retornem à nossa religião e adorem nossos ancestrais novamente. Se continuarem a ser cristãos, não receberão nada”. 

Em julho, autoridades da província de Dak Lak, no Vietnã, realizaram invasões em igrejas e prenderam vários cristãos. As autoridades foram à casa de Nguyet Buon Krong, um pastor da Igreja Evangélica de Cristo das Terras Altas Centrais. Elas revistaram a residência e apreenderam mais de 20 Bíblias, que ainda não foram devolvidas. O líder cristão foi levado para a delegacia, onde foi detido e interrogado sobre os estudos de direito civil, direitos humanos internacionais e liberdade religiosa por dois dias.  

Pedidos de oração 

  • Neste Dia da Independência do Vietnã, continue intercedendo pelos cristãos no país que enfrentam hostilidades por não abrirem mão do evangelho. 
  • Clame para que as autoridades do país e aqueles que ainda não conhecem a palavra sejam alcançados pelo amor de Deus e vivam conforme a palavra. 
  • Ore para que a paz de Cristo esteja em todo o país, mantendo os cristãos esperançosos por dias melhores e abrindo os corações daqueles que ainda não conhecem a palavra. 

Fonte: Portas Abertas

line

A Grande Lição

Biografia de Louis Pasteur, Biólogo e Químico Francês

Um senhor de 70 anos viajava de trem tendo ao seu lado um jovem universitário que lia o seu livro de ciências. O senhor, por sua vez, lia um livro de capa preta. Foi quando o jovem percebeu que se tratava da Bíblia e estava aberta no livro de Marcos.

Sem muita cerimônia o jovem interrompeu a leitura do velho e perguntou:

– O senhor ainda acredita neste livro cheio de fábulas e crendices?

– Sim, mas não é um livro de crendices.

– É a Palavra de Deus. Estou errado?

– Mas é claro que está! Creio que o senhor deveria estudar a História Universal. Veria que a Revolução Francesa, ocorrida há mais de 100 anos, mostrou a miopia da religião. Somente pessoas sem cultura ainda crêem que Deus tenha criado o mundo em seis dias. O senhor deveria conhecer um pouco mais sobre o que os nossos cientistas pensam e dizem sobre tudo isso.

– É mesmo? E o que pensam e dizem os nossos cientistas sobre a Bíblia?

– Bem, respondeu o universitário, como vou descer na próxima estação, falta-me tempo agora, mas deixe o seu cartão que eu lhe enviarei o material pelo correio com a máxima urgência. O velho então, cuidadosamente, abriu o bolso interno do paletó e deu o seu cartão ao universitário.

Quando o jovem leu o que estava escrito, saiu cabisbaixo sentindo-se pior que uma ameba. No cartão estava escrito:

Professor Doutor Louis PasteurDiretor Geral do Instituto de Pesquisas Científicas da Universidade Nacional da França.

“Um pouco de ciência nos afasta de Deus. Muito, nos aproxima”. Louis Pasteur.