BOLETIM INFORMATIVO

Observações importantes ao comparecimento ao templo durante a ainda presente pandemia de COVID21:

  • Ao entrar no templo higienize suas mãos com álcool 70%;
  • É obrigatório o uso de máscara de proteção durante todo o culto;
  • Não desloque as cadeiras dos lugares pré-estabelecidos;
  • Não abrace ou cumprimente o seu irmão com contato físico;
  • Não transite ou utilize os banheiros a não ser que seja realmente necessário;
  • Janelas e portas deverão ser mantidas abertas durante toda a celebração;
  • Não será excedido o limite máximo de ocupação de irmãos previamente estabelecido;
  • Aconselhamos aos maiores de 60 anos, menores de 12 anos e portadores de doenças crônicas a permanecerem em casa e priorizar o culto online;
  • Não haverá cantina;
  • Não haverá boletim de papel, somente na versão digital;
  • Ofertas serão entregues na saída do culto.

line

Alimento 1×3

O rico insensato

A PARÁBOLA DO RICO INSENSATO - ODSA

Então alguém da multidão gritou: “Mestre, por favor, diga a meu irmão que divida comigo a herança de meu pai!”. Jesus respondeu: “Amigo, quem me pôs como juiz sobre vocês para decidir essas coisas?”. Em seguida, disse: “Cuidado! Guardem-se de todo tipo de ganância. A vida de uma pessoa não é definida pela quantidade de seus bens”. Então lhes contou uma parábola: “Um homem rico tinha uma propriedade fértil que produziu boas colheitas. Pensou consigo: ‘O que devo fazer? Não tenho espaço para toda a minha colheita’. Por fim, disse: ‘Já sei! Vou derrubar os celeiros e construir outros maiores. Assim terei espaço suficiente para todo o meu trigo e meus outros bens. Então direi a mim mesmo: Amigo, você guardou o suficiente para muitos anos. Agora descanse! Coma, beba e alegre-se!’. “Mas Deus lhe disse: ‘Louco! Você morrerá esta noite. E, então, quem ficará com o fruto do seu trabalho?’. “Sim, é loucura acumular riquezas terrenas e não ser rico para com Deus”. Lucas 12:13-21

Nesta passagem Jesus compara a riqueza do mundo com a riqueza eterna: um relacionamento rico com Deus. Embora posses materiais e riqueza temporária não sejam coisas más, conquistá-las nunca deve ocupar mais tempo, energia, afeição e atenção do que desenvolver nosso relacionamento com Deus.

O cuidado e preocupação com posses materiais se tornaram maiores do que o seu desejo por Deus? Que outras áreas da vida afastam seus afetos e sua atenção de Deus? Certifique-se de que você esteja buscando o Reino de Deus em primeiro lugar!

Fazer dos ganhos ou das riquezas da terra o propósito da nossa vida é um erro fatal que leva à perdição eterna (vv. 20,21).

A palavra grega traduzida avareza (grego; pleonexia), literalmente significa a sede de possuir mais, mas a nossa sede deve ser de Deus, pois é poderoso para cuidar de nós.

A avareza nada tem com o provimento das nossas próprias necessidades e as da nossa família (Pv 6.6). Enquanto trabalhamos para suprir as nossas necessidades, devemos ser ricos para com Deus e buscar em primeiro lugar o seu reino e a sua justiça (Mt 6.33).

Cada crente deve atentar para esta advertência de Jesus e examinar se há egoísmo e avareza em seu próprio coração.

Precisamos ter muito cuidado, para não colocarmos nossa dependência e segurança no dinheiro e sem perceber, que temos paz, por causa da presença do Espírito Santo em nós e não por ter uma conta bancária recheada.

Aqueles que seguem a Cristo são conclamados a buscar acima de tudo o reino de Deus e a sua justiça. O verbo buscar subentende estar continuamente ocupado na busca de alguma coisa, ou fazendo um esforço vigoroso e diligente para obter algo. Cristo menciona dois objetos da nossa busca:

O Reino de Deus devemos buscar diligentemente a demonstração da soberania e do poder de Deus em nossa vida e em nossas reuniões. Devemos orar para que o reino de Deus se manifeste no grandioso poder do Espírito Santo para salvar pecadores, para destruir a influência demoníaca, para curar os enfermos e para engrandecer o nome do Senhor.

Sua justiça com a ajuda do Espírito Santo, devemos procurar obedecer aos mandamentos de Cristo, ter a sua justiça, permanecer separados do mundo e demonstrar o seu amor para com todos (Fp 2.12,13).

Perguntas:

1. Você já esteve desempregado? Faltou alguma coisa? Você era infiel nos dízimos e ofertas?

2. Deus é fiel e muitas vezes o que nos sustenta é a sua misericórdia, pois não merecemos, mesmo assim Ele não nos abandona. Mas você já viu a fidelidade do Senhor mesmo quando você era infiel?

3. Deus tem sido fiel a você? Você tem sido fiel a ELE?

line

Bíblia diária

2ª feira – Apocalipse 04, 05, 06

3ª feira – Apocalipse 07, 08, 09

4ª feira – Apocalipse 10, 11, 12

5ª feira – Apocalipse 13, 14, 15

6ª feira – Apocalipse 16, 17, 18

Sábado – Apocalipse 19, 20

Domingo – Apocalipse 21, 22

Período atual: Quinquagésima quarta semana

line

Pastor desaparecido é encontrado morto

Cristãos da República Democrática do Congo acreditam que o assassinato aconteceu porque o líder cristão evangelizava

Cristãos enfrentam onda de violência na República Democrática do Congo (foto: IMB)Cristãos enfrentam onda de violência na República Democrática do Congo (foto: IMB)

Em 25 de novembro, o pastor e capelão Isaac Muhindo Baraka foi encontrado morto na República Democrática do Congo. O corpo dele continha feridas de agressões e estava pendurado em uma árvore na província de Kivu do Norte. De acordo com fontes locais da Portas Abertas, o líder cristão desapareceu nas primeiras horas do dia 24.
Para os cristãos locais, o assassinato do pastor aconteceu porque ele costumava evangelizar na região. A província de Kivu do Norte enfrenta um aumento da violência por causa das ações das Forças Democráticas Aliadas (ADF, sigla em inglês). O grupo extremista jurou lealdade ao Estado Islâmico em 2021.
Em maio deste ano, o governo nacional declarou estado de sítio tanto em Kivu do Norte como na província vizinha de Ituri. Porém, a ação não conseguiu restaurar a ordem local e a insegurança tomou dimensões regionais. Após a ADF assumir os ataques a bomba em Kampala, capital da Uganda, um exército ugandês foi enviado para ajudar as Forças Armadas da República Democrática do Congo a acabar com os rebeldes.
A família, amigos e membros da igreja liderada pelo pastor Baraka precisam da oração dos irmãos ao redor do mundo. Ore para que todos sejam consolados por Deus e não desanimem de seguir a Cristo, apesar da violência enfrentada. Peça que as autoridades consigam restabelecer a paz na região e que as ações dos extremistas sejam frustradas.

Fonte: Portas Abertas

line

Jogue fora suas batatas

Love and Forgive – for your own good!!! – ensures

O professor pediu para que os alunos levassem batatas e uma bolsa de plástico para a aula.

Ele pediu para que separassem uma batata para cada pessoa de quem sentiam mágoas, escrevessem os seus nomes nas batatas e as colocassem dentro da bolsa.

Algumas das bolsas ficaram muito pesadas.

A tarefa consistia em, durante uma semana, levar a todos os lados a bolsa com batatas.

Naturalmente a condição das batatas foi se deteriorando com o tempo.

O incômodo de carregar a bolsa, a cada momento, mostrava-lhes o tamanho do peso espiritual diário que a mágoa ocasiona, bem como o fato de que, ao colocar a atenção na bolsa, para não esquecê-la em nenhum lugar, os alunos deixavam de prestar atenção em outras coisas que eram importantes para eles.

Esta é uma grande metáfora do preço que se paga, todos os dias, para manter a dor, a bronca e a negatividade.

Quando damos importância aos problemas não resolvidos ou às promessas não cumpridas, nossos pensamentos enchem-se de mágoa, aumentando o stress e roubando nossa alegria.

Perdoar e deixar estes sentimentos irem embora é a única forma de trazer de volta a paz e a calma.

Portanto, jogue fora suas batatas.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s