BOLETIM INFORMATIVO

Vou pro culto!

Reserve no link abaixo o seu lugar e o de sua família no culto dominical das 19 horas.

VOU PRO CULTO

Observações importantes:

  • A entrada no templo será feita exclusivamente pela ESCADA e a saída exclusivamente pela RAMPA;
  • Ao entrar no templo higienize suas mãos com álcool 70%;
  • É obrigatório o uso de máscara de proteção durante todo o culto;
  • Não desloque as cadeiras dos lugares pré-estabelecidos;
  • Não abrace ou cumprimente o seu irmão com contato físico;
  • Não transite ou utilize os banheiros a não ser que seja realmente necessário;
  • Não haverá água nos bebedouros ou jarras;
  • Janelas e portas deverão ser mantidas abertas durante toda a celebração;
  • Não compartilhe microfones ou instrumentos musicais;
  • Não será excedido o limite máximo de ocupação de irmãos previamente estabelecido;
  • Aconselhamos aos maiores de 60 anos, menores de 12 anos e portadores de doenças crônicas a permanecerem em casa e priorizar o culto online;
  • Não haverá cantina;
  • Não haverá boletim de papel, somente na versão digital;
  • Não haverá salinha para crianças que eventualmente comparecerem ao culto e elas deverão permanecer sentadas nas cadeiras respeitando o distanciamento de um metro e meio do irmão mais próximo;
  • Ofertas serão entregues na saída do culto em envelope fornecido no ato da entrada.

line

Alimento 1×3

A guerra contra a incredulidade 

Por favor leiam o texto em Números 13 e 14.

Pelo fogo da incredulidade – Benditas

A incredulidade dos dez espias tinha duas dimensões:  

–    A fidelidade que Deus sempre demonstrara ao seu povo não levou esses dez homens a um relacionamento de lealdade com Ele. 
–   Não confiavam em Deus, nem nas suas promessas a respeito do seu futuro ( Gn 15.18; 17.8; Êx 33.2). 
A fé dos dez espias e do povo que foi contaminada com a incredulidade deles, era nitidamente com a fé que Calebe e Josué manifestavam.

Tanto Josué como Calebe resistiram à opinião majoritária dos espias (Num. 13.25-33).

Tendo como base do seu relatório um firme compromisso com Deus e a plena confiança nas Suas promessas a Israel, recusaram a admitir a decisão, por maioria esmagadora, do povo de Deus, mesmo arriscando suas próprias vidas com essa recusa (Num. 14. 6-10). Esse evento crucial, na viagem de Israel no deserto, ensina-nos que não devemos admitir que a opinião da maioria, até mesmo da igreja, esteja sempre certa. Os crentes fiéis devem estar dispostos a ficar firmes à base da Palavra de Deus, mesmo se a maioria estiver contra eles.
Amados, o Senhor mandou os espias, mas já havia deixado a promessa de sucesso sobre todos os povos que estavam diante deles (Num. 13, 2).
No âmago da rebeldia de Israel estava a incredulidade oriunda do seu esquecimento da fidelidade de Deus no passado, de não confiar Nele como seu Senhor, e da não aceitação literal das suas promessas. Observando o seu modo de pensar, os israelitas não confiavam mais no Senhor em todas as circunstâncias. 
–    Crer em Deus importa em aceitar tudo quanto Ele disser como verdade, e agir de acordo com isso, confiando inteiramente nas suas promessas, andar nos seus caminhos e amá-lo de todo o coração e de toda a alma.  
–    A presença da fé faz-nos aceitos por Deus e considerados justos diante Dele; a ausência da fé nos condena (Jo 3.36).
–    Hebreus 11, 6: Este versículo descreve as convicções integrantes da fé salvífica. Devemos crer na existência de um Deus pessoal, infinito e santo, que tem cuidado de nós. 
–    Devemos crer que Ele nos galardoará quando o buscamos com sinceridade, sabendo que nosso maior galardão é a alegria e a presença do próprio Deus. Ele é nosso escudo e nossa grande recompensa (Gn 15.1; Dt 4.29).
–    Devemos buscar a Deus com sabedoria e desejar ansiosamente a sua presença e graça.

Perguntas: 

1.    Você só acredita vendo?
2.    O Senhor já te deu algum livramento, ou já realizou algum milagre em sua vida?
3.    Você tem motivos para duvidar do Senhor?

line

Feliz aniversário

01/mar – Patrícia Nascimento

06/mar – Lorena  Ferreira

06/mar – Valéria Cristina dos Santos

07/mar – Elma Conceição

08/mar – Maria Luíza Alves

14/mar – Maria das Graças Azevedo

15/mar – Camila Silva

15/mar – Filipe Kadosh Pereira

21/mar – Sara Caramori

24/mar – Bruna Pereira

27/mar – Juciária Mendonça

line

Bíblia diária

2ª feira – Ed. 01, 02, 03

3ª feira – Ed. 04, 05, 06

4ª feira – Ed. 07, 08, 09, 10

5ª feira – Ne. 01, 02, 03

6ª feira – Ne. 04, 05, 06

Sábado – Ne. 07, 08, 09

Domingo – Ne. 10, 11, 12, 13

Período atual: Décima oitava semana

line

Como as mulheres são tratadas na Coreia do Norte?

Às vésperas do Dia Internacional da Mulher, entenda a realidade das norte-coreanas

Neste Dia Internacional das Mulheres que se aproxima, interceda pelas mulheres na nação mais perigosa para os cristãos no mundo: a Coreia do NorteNeste Dia Internacional das Mulheres que se aproxima, interceda pelas mulheres na nação mais perigosa para os cristãos no mundo: a Coreia do Norte

No dia 8 de março é comemorado o Dia Internacional da Mulher e, embora a Coreia do Norte não celebre a data, já que não está relacionada com a família Kim, a mídia central do Estado ainda usa este dia para promover o papel das mulheres. O governo sugere que as mulheres detêm o mesmo status social que os homens, vivem igualmente e desfrutam de uma vida feliz.

Mas a realidade é muito diferente, já que o país conta com uma forte cultura de domínio masculino. Parceiros da Portas Abertas próximos ao país relatam que existe uma mesa de jantar separada para os homens e para as mulheres durante as refeições. A irmã de Kim Jong-un, Kim Yo-jong, sempre é descrita como a segunda mulher mais poderosa da Coreia do Norte pela mídia ocidental, mas mesmo ela é improvável que tenha o mesmo poder e status que seu irmão ou outro líder masculino na Coreia do Norte.

Mulheres se tornam vítimas

Muitas mulheres tentam escapar da Coreia do Norte, fugindo da escassez de alimentos e da falta de Direitos Humanos básicos, bem como da discriminação de gênero que enfrentam. Mais de 70% dos refugiados norte-coreanos na China são mulheres. Parceiros acreditam que existem cerca de 33.752 refugiados norte-coreanos na Coreia do Sul, e 72% deles são mulheres.

Uma das razões pelas quais as mulheres escapam com tanta frequência é que, enquanto os homens têm empregos atribuídos pelo governo, as mulheres casadas não são obrigadas a trabalhar fora de casa. Isso permite que elas participem do comércio e encontrem outras maneiras de ajudar as famílias a sobreviver. Há mais oportunidades de ganhar dinheiro se elas escaparem para a China, seja encontrando trabalho ou levando mercadorias de volta para a Coreia do Norte para vender.

No entanto, mulheres e meninas frequentemente se tornam vítimas de tráfico enquanto tentam fugir para a China e são vendidas em casamento para homens chineses, ou forçadas a se prostituir. De acordo com um relatório da Korea Future Initiative, um lucro anual estimado em 105 milhões de dólares é obtido através da exploração de mulheres e meninas norte-coreanas dessa maneira. O grupo estima que 60% das mulheres refugiadas norte-coreanas são traficadas para o comércio sexual, com cerca de 50% forçadas à prostituição, 30% em casamentos forçados e 15% em cibersexo.

As norte-coreanas não têm proteção na China, quer estejam lá trabalhando ou traficadas. Se forem descobertas pelas autoridades chinesas, serão presas e enviadas de volta para o país de origem. Lá, elas serão interrogadas e poderão ser torturadas, presas, agredidas sexualmente ou até mesmo mortas. Se estiverem grávidas, podem ser forçadas a fazer um aborto – as autoridades norte-coreanas não querem que a pureza da raça seja “contaminada”.

Luz de Cristo na vida das mulheres norte-coreanas

Felizmente, esse não é o destino de todas as mulheres norte-coreanas que escapam do país. Suas orações e apoio permitem que a Portas Abertas tenha esconderijos na China, onde aqueles que escapam da Coreia do Norte podem ter um lugar seguro para ficar, receber comida e tratamento médico, além de ouvir o evangelho.

Há também grupos de estudo bíblicos para mulheres que foram traficadas para a China e vendidas para o casamento. A vida delas é muitas vezes difícil, mas o que aprendem nesses grupos lhes dá esperança, e as mulheres são capazes de apoiar e encorajar umas às outras. 

A Coreia do Norte afirma que as mulheres são flores, através de uma popular canção do país, mas centenas de milhares de mulheres e meninas são traficadas e presas, então elas claramente são vítimas desse regime. Trata-se também de uma questão há muito negligenciada pela comunidade internacional – essas norte-coreanas estão clamando por resgate, presas entre o regime norte-coreano, a China e organizações criminosas.

Mas, de outra forma, muitas mulheres norte-coreanas são flores – porque carregam a fragrância de Jesus. É maior o número de mulheres que estão fugindo da Coreia do Norte, por isso é mais que as mulheres descubram o evangelho e o leve de volta para suas famílias, amigos e vizinhos na Coreia do Norte.

Na fé, elas esperam e oram por uma nova Coreia do Norte, onde todos possam cantar hinos, ler a Bíblia, orar e adorar a Deus livremente. Continue apresentando em oração os cristãos e as mulheres da Coreia do Norte.

Como posso fortalecer as cristãs norte-coreanas?

Sabendo da vulnerabilidade em que as cristãs norte-coreanas se encontram, a Portas Abertas oferece alimento, remédios e roupas para os seguidores de Cristo que fogem para a China. Através de sua oração e doação, você leva ajuda para os homens e mulheres cristãos da Coreia do Norte. 

Fonte: Portas Abertas

line

Os dons de Deus

Os dons do Espírito Santo

Contam que:

Um dia, um homem entrou numa loja e, estupefato, viu um anjo atrás do balcão.

Maravilhado com aquela visão, perguntou:

“- Anjo, o que vendes?”

O anjo respondeu:

“- Todos os dons de Deus.”

O homem voltou a perguntar:

“- E custam caro?”

E a resposta do anjo foi:

“- Não. É de graça .. é só escolher.”

O homem, todo feliz, olhou para toda a loja e viu jarras de vidro de fé, pacotes de sabedoria, caixas de felicidade … Não estava acreditando que poderia adquirir tudo aquilo.

“- Por favor, embrulhe para mim, muito amor de Deus, bastante felicidade, abundante perdão d’Ele, amor ao próximo, paciência, tolerância…”

O anjo anotou o pedido e foi separar os produtos. Ao retornar, entregou-lhe vários pacotinhos, que cabiam na palma da mão do homem. Espantado, ele indagou:

“- Como pode você me dar apenas esses pacotinhos?! Eu quero levar uma grande quantidade dos dons de Deus.”

O anjo respondeu:

“- Querido amigo, na loja de Deus nós não vendemos frutos. Apenas sementes.

Histórias & Fábulas Aplicadas a Treinamento
Albigenor Militão & Rose Militão

Editora: Qualitymark

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s