Boletim #144 – 15/jan/23

Conhecendo a verdade para ser livre (parte 02)

Leitura para essa semana: Páginas 19 a 23 do livro “A Isca de Satanás” de John Bevere.

Buscando a libertação, pois Senhor deseja nos libertar.

Conduta a seguir com aqueles que se afastam da sã doutrina e da pureza cristã

Textos para meditação:

2Tm.2.14. – Traze estas coisas à memória, ordenando-lhes diante do Senhor que não tenham contendas de palavras, que para nada aproveitam e são para perversão dos ouvintes. 15 Procura apresentar-te a Deus aprovado, como obreiro que não tem de que se envergonhar, que maneja bem a palavra da verdade. 16 Mas evita os falatórios profanos, porque produzirão maior impiedade. 17 E a palavra desses roerá como gangrena; entre os quais são Himeneu e Fileto;

” Ap 3 – 18 Aconselho-te que de mim compres ouro provado no fogo, para que te enriqueças, e vestes brancas, para que te vistas, e não apareça a vergonha da tua nudez; e que unjas os olhos com colírio, para que vejas. 19 Eu repreendo e castigo a todos quantos amo; sê, pois, zeloso e arrepende-te. 20 Eis que estou à porta e bato; se alguém ouvir a minha voz e abrir a porta, entrarei em sua casa e com ele cearei, e ele, comigo.

Jesus deseja entrar e limpar a casa, tirar as afrontas, e recolher o lixo junto com você. Mas lembre-se: Ele vai revelar o lixo, mas é você que deve jogá-lo fora.

Tenha cuidado, pois geralmente não ficamos incomodados ou consideramos uma enfermidade espiritual, quando temos acessos de raiva, ira ou rompantes, pois não damos tanta atenção para nossa saúde espiritual. Desta forma, é necessário gerar sensibilidade espiritual para percebermos a nossa enfermidade, já que existem sentimentos tóxicos que carregamos dentro de nós e não percebemos.

Uma coisa interessante é a falta de sensibilidade para perceber as ciladas do diabo, pois ninguém acorda pensando: “Devo estar atento, porque hoje o diabo vai me armar um laço.”

E nunca iremos imaginar que esse laço pode estar dentro do nosso próprio lar, no meio das pessoas que mais amamos. E sem percebermos, o diabo (que tem o propósito de matar, roubar e destruir), já entrou em nossa casa e armou, no café da manhã, uma cilada que, aos poucos, vai destruindo nosso casamento, nosso relacionamento com os filhos, ou com nossos pais.

A grande questão é que não temos sensibilidade suficiente para perceber que estamos doentes espiritual e emocionalmente, e que nos tornamos uma vítima do diabo, sendo seu prisioneiro. Só seremos curados e libertos a partir do momento em que admitirmos que estamos enfermos, e começarmos a reconhecer a verdade, assumindo esse estado para tomar as atitudes certas que irão nos libertar.

Passos importantes a serem tomados:

1. Parar de se fazer de vítima e ficar culpando os outros;

2. Assumir que está enfermo;

3. Buscar em Deus a ajuda necessária para tratar do assunto com Ele, declarando cada sentimento, não importa qual seja (declare ao Senhor tudo o que você está sentindo, e declare que não quer mais sentir nada disso; dedique tempo na presença de Deus até ser liberto e curado, pois para Ele tudo é possível – Lucas 1:37).

Obs.: Não pare de buscar! Faça do seu período de oração e devocional diários um momento de busca para a sua cura e libertação. Fique mais atento às novas ciladas para que não se torne prisioneiro de novo ( Romanos 3:24; e 6:11).

Perguntas:

1. Você é doente espiritualmente? Fale de você e não generalize a pergunta! (2 Timóteo 2:14,15, 16 e 19)

2. Em qual área você é mais doente? (Tiago 5:16)

3. Você quer ser curado de verdade, ou gosta de ser doente? (2 Timóteo 2:20 ao 26)

Para que não tem célula, faça a leitura em família.

Janeiro/2023

Para ver a agenda 2023 completa clique aqui.

15 DOM
9h Programa de Qualidade de Vida
19h Culto da Família
16 SEG
19h45 Curso VoicePro
17 TER
18 QUA
20h Culto de quarta-feira
19 QUI
20 SEX
18h40 Aula de música
19h45 Ensaio Ministério de Louvor
21 SAB
22h Grande Vigília (Intercessão)
22 DOM
9h Programa de Qualidade de Vida
19h Culto dos Jovens
23 SEG
19h45 Curso VoicePro
24 TER
25 QUA
20h Culto de quarta-feira
26 QUI
27 SEX
18h40 Aula de música
19h45 Ensaio Ministério de Louvor
DIA INTERNACIONAL EM MEMÓRIA DAS VÍTIMAS DO HOLOCAUSTO
28 SAB
29 DOM
9h Programa de Qualidade de Vida
19h Culto de Louvor
30 SEG
19h45 Curso VoicePro
31 TER

Multidão de extremistas ataca cristãos tribais na Índia

Autoridades viram o planejamento das ações e não agiram em defesa dos seguidores de Jesus

|10/01/2023 – 16:30

Cristãos são atacados e têm as casa destruídas por extremistas hindus na Índia (foto representativa)Cristãos são atacados e têm as casa destruídas por extremistas hindus na Índia (foto representativa)

A Portas Abertas noticiou a situação de mais de 500 cristãos tribais que foram expulsos de sua comunidade no estado de Chhattisgarh, na Índia. Os seguidores de Jesus, que já estavam vivendo em situações precárias em estádios, foram atacados novamente em dois de janeiro.

Uma multidão furiosa agrediu os cristãos e danificou igrejas, instituições cristãs e residências. Além disso, os extremistas hindus foram de porta em porta ordenar que os seguidores de Jesus abandonassem suas casas e deixassem a aldeia.

O parceiro local da Portas Abertas, Roshan Paul (pseudônimo), acredita que a ação faz parte de uma campanha de fundamentalistas para dividir a comunidade adivasi (conjunto de etnias aborígenes na Índia). O objetivo é separar os cristãos e conseguir os votos de outros que professam a fé hindu. “Não eram apenas gangues, mas grupos bem armados que planejaram bem esses ataques com antecedência. Muitos deles tinham espadas e pedras nas mãos”, explica.

Sob a alegação de que os cristãos seguem uma religião estrangeira, “atacam” o modo de vida tradicional dos povos tribais e forçam hindus a se converterem, os extremistas planejaram os ataques e as forças de segurança tinham conhecimento dessas reuniões.

“As autoridades não tomaram nenhuma medida para resolver o problema ou garantir a segurança dos cristãos. Nem a administração nem a polícia local tomaram medidas para conter ou restringir os comícios e reuniões dos anticristãos que mobilizam e instigam abertamente as populações locais contra os cristãos e seus líderes”, revela o parceiro local.

Orar e agir

A Portas Abertas soube do acontecido e verificou que os mais de 500 cristãos foram colocados apertados em um salão, com apenas um banheiro. Foi necessário a interferência e pressão às autoridades, para que respeitassem os direitos básicos de cada cristão. Muitos foram transferidos para diferentes abrigos e recebem apoio dos parceiros locais.

Alguns cristãos foram enviados a força para suas antigas aldeias e agora enfrentam ameaças, advertências e ataques dos vizinhos. Além disso, são pressionados para a reconversão ao hinduísmo e vivem em situação precária, pois perderam suas colheitas, casas, utensílios domésticos e outros materiais essenciais para a sobrevivência.

Pedidos de oração

  • Clame para que a paz de Cristo inunde a vida desses irmãos atacados na Índia. Peça que eles sejam protegidos e supridos em todas as necessidades.
  • Interceda para que os governantes respeitem a liberdade religiosa e tenham sabedoria e interesse em defender os cristãos afetados.
  • Ore para que os extremistas hindus sejam frustrados em seus maus intentos, sejam punidos por seus atos e tenham um encontro real com Jesus.

Fonte: Portas Abertas

Texto (Alimento 1×3) – Pr. Paulo Pereira / Revisão: Mônica Pinheiro / Pesquisa e edição: Orlando Neto

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s