Bem vindos à nova Amai-vos

EM PRIMEIRO LUGAR, NOSSO SÍMBOLO MUDOU!

A AMAI-VOS É UMA FAMÍLIA!

Como identificar uma pessoa sem saber o sobrenome dela? Como identificar uma tribo sem sua bandeira? Como identificar uma congregação sem associá-la à sua denominação?

Mesmo falando vários idiomas, tendo diferentes cores de pele, existindo culturas completamente diferentes, independentemente de nossas posições geográficas, somos uma só humanidade. Da mesma forma, mesmo sendo a mesma Igreja de Cristo espalhada até os confins da Terra, nos identificamos como família, como tribo, com o nome Amai-vos.

MAIS DO QUE UM NOME, AMAI-VOS É:

…um mandamento a nós: Um novo mandamento vos dou: que vos ameis uns aos outros; assim como Eu vos amei; que dessa mesma maneira tenhais amor uns para com os outros. (João 13:34 KJA)

..um farol de referência para o perdido: Com isso todos saberão que vocês são meus discípulos, se vocês se amarem uns aos outros (João 13:35 NVI)

COMO TODA FAMÍLIA, A AMAI-VOS É FORMADA POR VÁRIAS PESSOAS E SUAS HISTÓRIAS PESSOAIS

A Comunidade Amai-vos foi fundada em 02 de abril de 2002, é uma igreja evangélica pentecostal fundada pelos pastores Paulo e Tânia Pereira. Temos um Estatuto e um Credo, pelos quais todos os membros se comprometeram a honrar a Palavra de Deus e os princípios da nossa congregação.

Com um corpo de obreiros formados por cristãos antigos e novos, a Comunidade Amai­-vos nasceu de um sonho dado pelo Senhor ao Pr. Paulo, onde o mandamento “Amai­-vos” era desenrolado em um pergaminho frágil sobre um pedaço de madeira bruta e ambos sobrepostos formavam uma cruz.

Antes disso, a Comunidade Amai-vos se chamava lI Igreja Ceifa de Cabo Frio, e era localizada no bairro Jardim Caiçara ainda nos anos 90. Nesse período, várias igrejas estavam se desvinculando do Ministério Ceifa e, sob a benção dele, a lI Igreja Ceifa também o fez. O símbolo da cruz formada pelo pergaminho já existia e dele veio o nome do novo Ministério em 2002, além da primeira versão da Identidade Visual, até chegar ao visual utilizado até hoje em nossas placas, documentos e mídias sociais:

O TEMPLO DA AMAI-VOS É O CUMPRIMENTO DE UMA PROFECIA AO BAIRRO GUARANI

“Pode vir alguma coisa boa de Nazaré?” (João 1:46)

Com a estrutura térrea parcialmente concluída no ano de 2001, a li Igreja Ceifa mudou­ se do bairro Jardim Caiçara definitivamente para o número 374 da Rua Duarte da Costa, atual templo da Comunidade Amai-vos no Guarani.

Construído através de incontáveis milagres financeiros vindos de Deus, os alicerces do templo foram plantados sobre um terreno onde espiritualmente não havia como frutificar nada de bom.

No local havia construções residenciais no mínimo precárias que foram cenário de crimes e pecados, como assassinato, venda e consumo de entorpecentes, prostituição e feitiçaria. Humanamente falando, a probabilidade de vidas serem edificadas e transformadas a partir deste lugar eram nulas.

Segundo o testemunho de Maria de Jesus Alcântara, durante um culto em sua casa no nº 387 da mesma rua, um homem tomado em profecia ergueu as mãos sobre esse local e declarou aos presentes que o Senhor o havia escolhido para que fosse erguido um grande templo dedicado a Ele ali.

Já se passaram mais de vinte anos desde o primeiro culto ao Salvador celebrado neste local, cumprindo-se, assim, a vontade do Senhor e fazendo transbordar de Graça, um local antes abundante em pecado.

O CONCEITO DO NOVO SÍMBOLO

Nossa identidade é O Amor, nossa identidade é Jesus

A antiga identidade visual (madeira espinhosa + pergaminho = cruz) traduzia muito bem nossa história e nossa realidade. Éramos um projeto bruto (como a madeira não aplainada) nas mãos do Criador, ainda somos frágeis (como o pergaminho), pregando o Amor (Jesus) através do símbolo máximo da mensagem da salvação (cruz).

O antigo símbolo (a cruz formada pelo pergaminho) sempre traduzirá o que somos e sempre estará no coração dos fundadores dessa igreja e de todos que viveram esses vinte anos de Amai-vos.

Mas o desejo de nosso coração é marcar esse novo tempo inspirando a toda Amai-vos a abraçar um novo conceito de família de Deus dentro de si.

Queremos dizer ao mundo que Aquele que nos tocou com Suas mãos de amor e imprimiu em nós a Suas digitais também está disponível e de braços abertos a todos que entrarem pelas portas desse templo.

Mais do que adotar um novo símbolo, convidamos a todos os Amaivianos a serem uma nova Amai-vos!