Autor: ministerioamaivos

O Ministério Amai-vos foi fundado em 2002 pelos pastores Paulo e Tânia Pereira, (presidente e vice-presidente, respectivamente).e que chegou a mais três cidades: São Pedro d'Aldeia (RJ), Silva Jardim (RJ) e Santo Antônio de Jesus (BA). "O menor virá a ser mil, e o mínimo uma nação forte; eu, o SENHOR, ao seu tempo o farei prontamente" (Isaías 60:22)

BOLETIM INFORMATIVO

Observações importantes ao comparecimento ao templo durante a ainda presente pandemia de COVID21:

  • Ao entrar no templo higienize suas mãos com álcool 70%;
  • É obrigatório o uso de máscara de proteção durante todo o culto;
  • Não desloque as cadeiras dos lugares pré-estabelecidos;
  • Não abrace ou cumprimente o seu irmão com contato físico;
  • Não transite ou utilize os banheiros a não ser que seja realmente necessário;
  • Janelas e portas deverão ser mantidas abertas durante toda a celebração;
  • Não será excedido o limite máximo de ocupação de irmãos previamente estabelecido;
  • Aconselhamos aos maiores de 60 anos, menores de 12 anos e portadores de doenças crônicas a permanecerem em casa e priorizar o culto online;
  • Não haverá cantina;
  • Não haverá boletim de papel, somente na versão digital;
  • Ofertas serão entregues na saída do culto.

line

Alimento 1×3

Frutos do Espírito (Parte 2)

Paciência, Amabilidade e Bondade

Sl. 37.7-8 – Descansa no SENHOR e espera nele; não te indignes por causa daquele que prospera em seu caminho, por causa do homem que executa astutos intentos. Deixa a ira e abandona o furor; não te indignes para fazer o mal.

A sabedoria que vem do alto
Tg. 3.13-15 – Quem dentre vós é sábio e inteligente? Mostre, pelo seu bom trato, as suas obras em mansidão de sabedoria. Mas, se tendes amarga inveja e sentimento faccioso em vosso coração, não vos glorieis, nem mintais contra a verdade. Essa não é a sabedoria que vem do alto, mas é terrena, animal e diabólica.

Pv. 11.17-18 – O homem benigno faz bem à sua própria alma, mas o cruel perturba a sua própria carne. O ímpio recebe um salário enganoso, mas, para o que semeia justiça, haverá galardão certo.

Paciência é esperar sem reclamar; é demonstrar calma em meio a situações estressantes. É demonstrar empatia aos outros quando eles não estão fazendo coisas segundo o nosso padrão. A paciência é produzida quando damos apoio ao crescimento do outro em sua jornada de vida. É não ficar facilmente desapontado quando acontecer um atraso que não fará diferença daqui a 10 dias, quem dirá em 10 anos. Pessoas pacientes não ficam facilmente irritadas, agitadas, nem mostram intolerância.

Amabilidade é ser genuinamente gentil com qualquer um e com todos. Isso pressupõe que todos merecem ser tratados com amabilidade independentemente das diferenças, pontos de vista ou culturas. Amabilidade celebra os outros e os serve quando há necessidade. Ela procura o bem-estar dos outros e mostra compaixão quando necessário. Ela dá assistência aos outros e mostra cortesia e benevolência a qualquer um. Pessoas gentis não mostram animosidade, má vontade ou inveja de outras pessoas.

Bondade é o desejo verdadeiro de ajudar os outros. Ela não aproxima ou entretém o pecado. A pessoa bondosa faz a coisa certa e desafia outras pessoas a fazerem o mesmo, ainda que a conversa seja desconfortável. É decente, honesta, moralista, honrosa, virtuosa e cheia de integridade. Pessoas boas não fazem apenas a coisa certa; elas tornam as coisas certas.

Perguntas:

  1. A sua ansiedade tem andado acima da sua paciência? Que tal começar a exercitar mais a paciência?
  2. Você é uma pessoa amável, ou gostaria de ser?
  3. O que você entende por bondade? Explique a bondade segundo a visão de Deus (leia os textos em Provérbios 3. 12; e Hebreus 12. 5 e 11).

line

Bíblia diária

2ª feira – João 10, 11, 12

3ª feira – João 13, 14, 15

4ª feira – João 16, 17, 18

5ª feira – João 19, 20, 21

6ª feira – Atos 01, 02, 03

Sábado – Atos 04, 05, 06

Domingo – Atos 07, 08, 09

Período atual: Quadragésima quinta semana

line

Igreja na Índia é atacada por multidão hindu

Nacionalistas hindus não aceitam que os indianos sigam a Cristo

Os cristãos locais pedem oração sobre a situação dos ataques e protestosOs cristãos locais pedem oração sobre a situação dos ataques e protestos

Uma multidão entre 100 e 200 pessoas invadiu um culto de uma igreja no estado de Chhattisgarh, na Índia, exigindo que os cristãos desistissem da fé. Os invasores gritavam “Jai Shri Ram” (“glória ao senhor Rama”) e atacaram os cerca de 60 cristãos que estavam no local, entre eles mulheres e crianças. Quando algumas mulheres questionaram os agressores, eles disseram a elas que “como nasceram na Índia, elas têm que permanecer hindus e adorar divindades hindus”. 

 A igreja na aldeia de Polmi funciona há 20 anos e nunca teve problemas com os aldeões locais antes. Arun Pannalal, presidente do Fórum Cristão em Chhattisgarh, disse à Comissão sobre o Status da Mulher (CSW, da sigla em inglês) da ONU que as invasões a reuniões cristãs são cada vez mais comuns e “movimentam a política local”. Pannalal também disse ao site de notícias UCAN que a organização documentou pelo menos 200 incidentes semelhantes a esse nos últimos dois anos. Houve protestos quase diários contra cristãos em todo o estado no último mês.  

Histórico de perseguição 

Em 19 de setembro, membros do Rashtriya Swayamsevak Sangh, um grupo nacionalista de militares hindus, reuniram-se em toda a cidade de Raipur gritando slogans contra cristãos e pastores, dizendo-lhes que seriam expulsos do país se não parassem de converter pessoas, relatou um parceiro da Portas Abertas na região.  

 Em 5 de setembro, a polícia prendeu dois membros da ala jovem do Partido Bharatiya Janata (BJP) após um ataque a um pastor e outros dois cristãos na capital do estado, em Raipur. Em resposta, o BJP e grupos nacionalistas hindus acusaram o pastor e membros da igreja de forçar os hindus a se converterem ao cristianismo e pediram a prisão dos cristãos. Eles apresentaram queixas à polícia, mas também acusaram a polícia de ser parcial, ameaçando fazer protestos e desobedecer as autoridades. 

 “Precisamos de orações sobre essa situação, pois esses protestos estão acontecendo há mais de um mês e temos visto o envolvimento de centenas de pessoas diariamente. Isso pode desencadear tumultos e incidentes mais graves na região e em todo o país”, finalizou o presidente do Fórum Cristão.

 Pedidos de oração 

  • Apresente em oração a situação dos cristãos na Índia. Durante os protestos e ataques, muitas pessoas agem violentamente, causando danos e ferindo a população.  
  • Clame pela segurança dos cristãos, bem como sabedoria para os líderes da igreja que estão sendo interrogados pela polícia sobre o ministério.  
  • Peça para que a população que vai às ruas protestar contra os cristãos seja impactada pelo amor do Senhor e passe a testemunhar das boas obras.   

Fonte: Portas Abertas

line

Abandone sua vaquinha!

Um Simples Servo de Cristo: A Vaca no precipício

“Eu o instruirei e o ensinarei no caminho que você deve seguir; eu o aconselharei e cuidarei de você.” Salmo 32:8

Um professor e seu discípulo faziam uma viagem cujo objetivo era o aprendizado com as experiências que viviam. Um dia encontraram uma família muito pobre, morando num sítio muito feio e simples, onde só havia uma vaquinha.

Conversando com o dono da casa, souberam que a vida deles dependia daquela vaquinha, pois vendiam ou trocavam o leite e seus derivados por alimentos e artigos de primeira necessidade. Mas só dava para o básico e nada mais.

Indo embora, avistaram a tal vaquinha à beira de um precipício. O professor então mandou que seu discípulo a empurrasse morro abaixo. Este ficou apavorado, pois ela era o único meio de vida daquela família. Com a insistência do mestre, empurrou a vaquinha e foram embora.

Anos se passaram e aquele discípulo nunca deixou de sentir-se culpado pelo que fizera. Resolveu voltar àquele lugar e procurar pela família. Lá chegando, encontrou um belo sítio, com pomar, muitos animais, uma casa grande e bonita, adolescentes saudáveis e felizes e um homem à porta.

Perguntou pela família que havia morado ali há muitos anos e que era muito pobre. Dando mais detalhes, descobriu que aquela era a família que havia conhecido e que algo havia acontecido com eles.

Desconfiado, perguntou então ao homem como haviam chegado a progredir tanto, ao que ele respondeu: “Tínhamos uma vaquinha que era nosso único sustento de vida. Um dia, misteriosamente, ela apareceu morta no precipício aqui perto. Então tivemos que descobrir outros meios para nos alimentarmos e vestirmos. Descobrimos habilidades que nem sabíamos que tínhamos. Assim, chegamos a essa nova condição de vida e estamos muito felizes.”

Pense nisso e descubra quais as vaquinhas que o impedem de ser melhor, de fazer coisas realmente legais e que valem a pena, que o impem de crescer como pessoa, como aluno, como filho, como amigo, como cristão, como esposa, como filha, etc.

Descubra e empurre no precipício todas elas. Tenha coragem, ousadia e persistência para mudar positivamente.

Não se esqueça de avaliar tudo isso baseado no único referencial de vida plena que o homem possui: a Palavra de Deus. Com a Bíblia, você terá condições de rever e refazer da melhor maneira seu modo de vida

Deus abençoe

BOLETIM INFORMATIVO

Observações importantes ao comparecimento ao templo durante a ainda presente pandemia de COVID21:

  • Ao entrar no templo higienize suas mãos com álcool 70%;
  • É obrigatório o uso de máscara de proteção durante todo o culto;
  • Não desloque as cadeiras dos lugares pré-estabelecidos;
  • Não abrace ou cumprimente o seu irmão com contato físico;
  • Não transite ou utilize os banheiros a não ser que seja realmente necessário;
  • Janelas e portas deverão ser mantidas abertas durante toda a celebração;
  • Não será excedido o limite máximo de ocupação de irmãos previamente estabelecido;
  • Aconselhamos aos maiores de 60 anos, menores de 12 anos e portadores de doenças crônicas a permanecerem em casa e priorizar o culto online;
  • Não haverá cantina;
  • Não haverá boletim de papel, somente na versão digital;
  • Ofertas serão entregues na saída do culto.

line

Alimento 1×3

Frutos do Espírito (Parte 1)

Amor, Alegria e Paz

1 Coríntios 13, 4. O amor é paciente e bondoso. O amor não é ciumento, nem presunçoso. Não é orgulhoso, 5. nem grosseiro. Não exige que as coisas sejam à sua maneira. Não é irritável, nem rancoroso. 6. Não se alegra com a injustiça, mas sim com a verdade. 7. O amor nunca desiste, nunca perde a fé, sempre tem esperança e sempre se mantém firme.

Filipenses. 4, 4. Alegrem-se sempre no Senhor. Repito: alegrem-se!
A vida com Deus não é estar imune às dificuldades, mas é paz nas dificuldades. — C.S. Lewis

Romanos 8, 6- Portanto, permitir que a natureza humana controle a mente resulta em morte, mas permitir que o Espírito controle a mente resulta em vida e paz.

Nós iremos mergulhar nos nove aspectos dos Frutos do Espírito. Hoje, vamos focar em amor, alegria e paz.

O Amor é desinteressado, generoso e dedicado a Deus e aos outros. É uma tela ativa que nos obriga a colocar as necessidades dos outros acima das nossas. O amor honra os outros e celebra a verdade, não importando quão difícil seja ouvi-la. Doa a si próprio, mesmo quando não tem vontade. O amor não permite que os sentimentos ditem suas escolhas. O amor é esperançoso, perseverante e confiável. Pessoas amorosas mantêm o ódio, a apatia e a autopreservação longe delas.

A Alegria é um estado de alma profundo e duradouro, que nenhuma circunstância, evento ou ser humano pode roubar de nós. É deleitar-se em Deus e escolher regozijar-se em todas as coisas. Porque se nossas circunstâncias não comandam nossas vidas, nossas mudanças de humor não existem. Isto não significa que estamos sempre de “bom humor”, mas podemos permanecer em um inexplicável senso de contentamento. Pessoas alegres não permitem que a miséria, remorso, tristeza ou desespero dominem seus pensamentos ou guie suas ações.

A Paz é um poço profundo de confiança, que Deus é quem Ele é, e que Ele fará o que Ele diz que fará. A paz vem de um descanso baseado nas promessas de Deus. É escolher trabalhar com outros por um objetivo em comum, ao invés de insistir em sua própria maneira. A paz é geralmente inexplicável e incompreensível, mas nós sabemos quando a temos e quando não a temos. Pessoas pacíficas não vão à guerra com suas ações ou palavras, porque elas sabem que isso não traz alívio às situações.

Perguntas:

  1. Você sente muita necessidade de mostrar para os outros seus atos de bondade?
  2. Você superdimensiona seus problemas, tornando-os maiores do que eles são na verdade?
  3. Você deixa seus problemas assumirem a direção da sua vida, e assim roubarem a sua alegria?
line

Bíblia diária

2ª feira – Lucas 13, 14, 15

3ª feira – Lucas 16, 17, 18

4ª feira – Lucas 19, 20, 21

5ª feira – Lucas 22, 23, 24

6ª feira – João 01, 02, 03

Sábado – João 04, 05, 06

Domingo – João 07, 08, 09

Período atual: Quadragésima quarta semana

line

Cristãos fogem de ataques na Síria

Forças armadas da Turquia realizaram ataques no país

Muitos seguidores de Jesus sírios deixaram as casas após os ataques da Turquia
Muitos seguidores de Jesus sírios deixaram as casas após os ataques da Turquia

Os recentes ataques da Turquia no Nordeste da Síria expulsaram mais cristãos das casas, de acordo com o relato de líderes cristãos locais. A cidade de Tel Tamr, no Vale de Khabur, na Síria, é a maior da região que foi atingida pelos ataques turcos nas últimas semanas. “Os bombardeios turcos destruíram duas escolas, um prédio municipal, uma padaria e uma linha de energia na área”, disse Matai Hanna, porta-voz do Conselho Militar da Síria, ao portal de notícias VOA News.   
O Conselho Militar faz parte de uma aliança chamada Forças Democráticas Sírias que tem sido apoiada e liderada pelos Estados Unidos na luta contra o Estado Islâmico. A Turquia, no entanto, considera o grupo uma organização terrorista e, em outubro de 2019, iniciou uma ofensiva com a ajuda das milícias sírias, para levá-lo de volta a Síria.  

Crimes de guerra 

O Vale de Khabur foi o lar de uma próspera comunidade assíria de aproximadamente 15.000 pessoas que viviam em várias aldeias. Em 2015, o Estado Islâmico destruiu a maioria delas, incluindo 11 igrejas, fazendo com que milhares fugissem. Dos 3.000 assírios que já viviam em Tel Tamr, restam cerca de 600, e isso inclui cristãos que fugiram de suas casas em aldeias vizinhas, segundo informa uma fonte local a Portas Abertas.  
Desde o ataque da força militar turca em 2019, a área tornou-se uma zona de conflito, com mais deslocamentos. Grupos de direitos humanos e ativistas acusam as forças turcas de cometer crimes de guerra contra curdos e minorias étnicas e religiosas no nordeste da Síria, e seu “programa de engenharia demográfica”, envolvendo o reassentamento de refugiados de outras partes da Síria.  
“A Comissão Internacional Independente de Inquérito da ONU sobre a República Árabe Síria documentou violações significativas dos direitos humanos na área contra a população civil, em casos particulares de conversão forçada ao islã dos yazidis, bem como outras violações contra os curdos”, disse um porta-voz de advocacy da Portas Abertas.   
“Convocamos todas as partes envolvidas no conflito no Nordeste e Noroeste da Síria a parar urgentemente quaisquer violações dos direitos humanos, como privação arbitrária de liberdade, assassinatos, deslocamento forçado, tortura e violência sexual, que estão afetando especialmente membros de minorias religiosas nessas áreas”, finalizou.   

Pedidos de oração 

Apresente em oração os cristãos na Síria que tiveram que fugir de casa durante os ataques, para que o Senhor traga provisão e os mantenha firmes na fé. 

Clame pelas autoridades do país e forças armadas, para que Deus derrame sabedoria sobre eles e tomem decisões visando o bem de todo o país. 

Interceda pelos líderes cristãos e os parceiros Portas Abertas na Síria, para que eles continuem levando esperança e abençoando vidas. 

Fonte: Portas Abertas

line

A Recompensa da Bondade

Estos cuadros pintados por Winston Churchill se venden por millones de  dólares

Certo dia um camponês escocês, enquanto trabalhava no campo, escutou gritos vindos de um pântano próximo. Ele correu para ajudar e lá encontrou um menino enlameado até a cintura, tentando escapar da morte.

O camponês arriscou-se, mas conseguiu libertar a criança. No dia seguinte, uma rica carruagem parou à porta de sua casa e dela desceu um nobre elegantemente vestido. Disse ser o pai do menino salvo e queria recompensá-lo pela bondade.

O camponês não aceitou recompensa pelo que fizera e enquanto falavam, seu filho apareceu.

O nobre então propôs ao camponês levar seu filho e educá-lo nas melhores condições, garantindo que se o menino fosse igual ao pai, certamente daria muito orgulho a todos.

O camponês aceitou a oferta e tempos depois seu filho estava formado no Hospital Médico – Escola Universitária Santa Maria, em Londres. Esse menino tornou-se conhecido no mundo inteiro, pois foi o descobridor da Penicilina. Seu nome era Alexander Fleming.

Anos depois, o filho do nobre, aquele que foi salvo no pântano, ficou gravemente doente. O que o salvou foi a penicilina. O nobre chamava-se Randolph Churchill e o menino salvo era Winston Churchill.